quinta-feira, 24 de setembro de 2009

Observo a chuva cair da janela, o vidro molhado transforma as luzes da cidade em manchas coloridas, ouço os carros na rua, alguns apressados e outros voltando lentamente para a rotina do lar, buzinas desesperadas, é mais um dia comum, não fosse você roubar meus pensamentos e ler minhas ideias, não fosse eu enxergar teus olhos amendoados em cada canto e sentir teu perfume inebriante, me envolvendo o corpo como milhares de fios invisíveis que me controlam e me levam sempre ao mesmo destino, você .
Devolve a paz que você roubou com teu jeito sempre sedutor, nem sempre proposital, mas sempre provocante, refaz meu mundo que você descontruiu com cores e paixão. Pensando bem, eu faço sua a minha paz, eu gosto dessa confusão que eu sinto quando eu vejo você, da maneira que você me arranca sorrisos fáceis e sinceros e do modo como você me olha, as vezes manso, as vezes despindo minha alma, me decifrando lentamente de um modo tão particular, gelando o sangue em minhas veias pra depois voltar a me esquentar, segurando minhas mãos com as tuas sempre macias e seguras.
Você é o carma que encontrei, aquele alguém que vai estar na minha lembrança e fazer parte dos meus momentos nostálgicos, a paixão que vai estar comigo na cidade luz e me despertar para dias de sonhos, "escrever nossos nomes em paris" lembra?
A tensão, o tormento, o coração que parece parar apertado dentro do peito a cada ameaça sua, o silêncio enlouquecedor, a melodia, nosso jogo particular e secreto, o olhar tão cúmplice, já nos tornamos reféns um do outro, sem preço, sem previsão de entrega, vitimas fáceis de um acaso da vida, um acaso misterioso e delicioso.
La fora a chuva continua a cair, o céu prossegue nublado, mas dentro de mim existe um misto de cores, um mix de você .

4 comentários:

Solange Maia disse...

A chuva continua lá fora, e o que acho que existe dentro de você é um arco-íris...

Lindo.

beijo

Paula disse...

Devolve a paz que você roubou ...
Que lindo isso flor ...
Eu tbm quero minha paz de volta ...
Grande beijo!

Gabriela Castro disse...

A inspiração chegou e ficou, hein?!
Dá um pouquinho pra mim? rs
beijão

Ronaldo disse...

adorei seu texto, li com uma chuva fraca ao fundo inspirando e servindo de trilha sonora