segunda-feira, 2 de agosto de 2010

dança

um sorriso meio tímido, às vezes custa a sair. uma alma tão livre, mas tão livre, que da medo. se desprende e costura meu coração, milhares de pequenos pontos, aperta forte e faz dele todo seu. sem aviso, sem pedido . onde já se viu ir invadindo a intimidade assim, fazendo morada em mim? torna meus dias uma dança complexa. 
me pega pelo braço e vai me conduzinho, sabendo exatamente o que faz. eu ainda tropeço, esqueço o ritmo, penso em desistir . você se movimenta há um tempo, e tem dias que eu invejo essa experiência e desejo voltar no tempo pra te encontrar primeiro. e fico brava quando você diz que me ama mas não vai fazer minha vontade. e acho graça, como de repente o seu sorriso vai ficando tão fácil, como danço cada vez melhor e tenho menos medo. e aqueles pontos, que você deu no meu coração apertam cada vez mais, e eu me sinto tão sua.


Pois é, mais uma semana se inicia . Chegamos no mês do meu aniver *-* 

Beijo ♥

4 comentários:

Marjory disse...

Nossa marida que texto lindo s2

Paula disse...

Que pessoa mais apaixonada! Amei o texto querida, parabéns!
Obrigada pelo apoio..ai ai, vou querer trocar figurinhas sim rs...
Boa semana querida!

Tácila R. disse...

É a fragilidade de um amor que nos conduz a dizer coisas que tocam a alma das outras pessoas.
Você sempre toca minha alma com tuas palavras.
Amo seu blog e seus escritos!
Bjsbjs :*

Juliana Nunes disse...

Aeee amigaa..!

Cada vez mais dançando com menos medooo..! iuhuuuuuuuuuuuuuuuuu

Adoreei.