segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

desventuras.

pois é, cá estou em são paulo, livin la vida loca. 

no primeiro dia dessa cidade assustadora, eu fui jogada pra dentro do metrô e fiquei presa na porta, assim, numa fração de segundos. quando já estava in, segurando desengonçada e falando ao telefone, sinto alguma coisa, digamos, se esfregando no meu amado bumbum. primeiro eu pensei - ok, o metrô tá lotado, não tem espaço e todo esse contato físico é necessário - mas quando eu olhei pra trás e vi todo aquele, err, volume, percebi que o senhor estava é cheio de malícia pro meu lado. eu não sabia se gritava, se empurrava o safado ou se chorava. ainda bem que o cara desceu na estação seguinte e né, tudo ok.

ônibus lotado, metrô lotado, escadas lotadas, ruas lotadas, tudo. eu disse : t-u-d-o é lotado. impossível ficar confortável e equilibrada em um salto nessa cidade, mas nós nascemos pra isso, pra revolucionar. é praticamente uma pratica de malabarismo pelas avenidas e conduções. já to no jeito, atletismo brasileiro perdendo um talento.

no trabalho todo mundo é cool. tá, o pessoal é mais sério, mas tudo bem. minhas colegas são de uma simpatia sem limites. in love 



a coisa boa, é que aqui tem milhões de pessoas homens incríveis maravilhosos de deixar a gente passada de boca aberta.   como é que eu deixei meu oso vivendo aqui por tanto tempo sem mim? humf! 

pois é queridos, essa é minha nova vida. eu volto logo (assim que der) pra contar mais novidades, postar textos românticos e reclamar um pouquinho rs.

e que 2011 chegue lindo.



11 comentários:

Tácila R. disse...

Meniiiina, que aventura ! Rs' Sim, a vida na GRANDE CIDADE é uma novela, um filme de terror e comédia, de amor e ódio. Tudo é cheio, é verdade.
Como diz meu professor de Geografia, é um monstro chamado MEGALÓPOLE (dizendo com voz de monstro). rsrsrsrsrs' Bem, fica com Deus Flor!
E aproveite essa loucura que é SP, por mim ! Beijos e beijos

circus disse...

A Sé! Minha linda catedralzinha que eu amo de coração! Hahaha

Olha, essa história de abuso no metrô já deu muita briga, mas se você se demonstra incomodada ou reclama, pode ficar tranquilo, os homens presentes fazem o folgado descer na próxima estação. Sério. Safado assim não tem chance.

Eu moro em SP, sim ^^ qualquer dica, ajuda, sei lá, que você precisar, estamos aqui pra isso :*

hot girl disse...

nice post,
lovely picture.

Líviany Moura disse...

Obaaaaaaaaaaa!!! Viva intensamente essa vida louca ai! QUe tudo dê muito certo e q vc seja tãoooo feliz quanto merece!

Beijo gdeeeeeeee e boa virada de ano, linda!

Raíssa T. Klasman disse...

Olá... Então, coloquei seu blog numa listinha dos que eu visito com frequencia. ela está exposta no #Smile, para que outras pessoas vejam, e possam te visitar também, tá? tem algum problema? caso haja, me avise, ok? beijos, e me faça uma visitinha, tá bom? Raíssa
smileonly-now.blogspot.com

Michele disse...

Oi, Florzinha!

Eu gosto de SP, mas essa correria me estressa quase sempre. Eu odeio lugares lotados e metrô eu até aguento um pouco mais, agora trem é de matar! Além daquele povo fedido roçando, não tem ar condicionado que presta! Uó! haha

Mas como você disse, a gente se acostuma a tudo nessa vida! ;P

Você vai conhecer um montão de lugares legais demais pra passear, comer, dançar. Não deixe de conhecer o Ibirapuera (se ainda não conhece)... o parque fica cheio, mas é enorme e sempre há lugares mais calmos, em que você pode se sentar na grama e simplesmente relaxar!

Curta muito a nova vida, querida!

Um beijo grande e um 2011 de muita luz, felicidade e realizações de sonhos pra você!

Juci Barros disse...

Ulálá! rsrs
Beijos e volta logo.

.Intense. disse...

Sampa não é pra mim. Até férias aí desorienta.


E o medo de ser eu a sortuda de encontrar uma bala perdida? CREDO. Que isso não aconteça com vc tb, haha.


E, ó? Vc vai sobreviver. Tem coração nesse caminho que te leva à Sampa. Tem como não vencer? Tsc tsc.


:*

Mikaelly Andrade... disse...

Por quantas aventuras já passastes hein?!
Te desejo que a sua vida seja "lotada" de felicidade e sorte^^

beijinhos
Mikaelly Andrade.

Gabriela Castro disse...

Amorrr, vida louca a sua mesmo. Mas, não abandona o blog não e não me abandonaaa. Sinto uma falta imensa de você, das nossas conversas quilométricas. Torço para você se adaptar logo e tudo entrar nos eixos. Feliz ano novoooo =) te amo! Beijos

Karla Thayse disse...

Rss.
Boa sorte nas novas aventuras!
No começo é bem complicado mesmo, mas vai dar tudo certo Flor!

Um 2011 maravilhoso pra você! Muita saúde, paz, amor e amizades verdadeiras.

Beeijo